PT
Login

Tudo sobre a ESL Challenger at DreamHack Rotterdam 2022

Counter-Strike: Global Offensive
38d
Matheus Santos
Tivemos recentemente o fim do campeonato da ESL Challenger at DreamHack Rotterdam 2022 e nessa matéria você irá saber tudo sobre o campeonato.

 

Participantes


Das oito equipes que estiveram durante o campeonato, 4 foram convidadas, Ence, Mouz, Movistar Riders e Outsiders.

As outras 4 vieram de classificatórios, Eternal Fire, Los + oNe, Fluxo e Nixuh.

 

Formato


O formato ocorreu assim, na fase de grupos teve 2 grupos cada grupo teria 4 equipes, com eliminação dupla, logo os 2 primeiros de cada grupo avançariam para a próxima fase (Playoffs).

Os jogos de abertura e de vencedores seriam decididos em melhor de 1 mapa e as partidas eliminatórias seriam decididas em melhor de 3 mapas.

Nos playoffs, teriam uma eliminação simples, cada fase 1 seria eliminado até a final, e todas as partidas seriam de melhor de 3 mapas.

 

Premiação


Começando de baixo as equipes em 7 º e 8 º colocado receberiam 2 mil dólares, 5 º e 6 º colocado receberiam 3 mil dólares, perto e inicio do pódio, 3 º e 4 º colocado receberiam 10 mil dólares, para o vice-campeão 20 mil dólares e para o grande campeão uma bagatela de 50 mil dólares e a classificação para a EPL Conference Season 17.


Fase de Grupos


Grupo A


Grupo composto por Mouz, Eternal Fire, Movistar Riders e Nixuh.

Nas partidas de abertura, a Mouz venceu a Nixuh por 16 a 2 no mapa da miragem, um espanco por parte da equipe alemã, na outra partida do grupo, a Movistar Riders venceu a Eternal Fire por 16 a 9 na Overpass.

A partida dos vencedores a Mouz predominou e venceu a Movistar Riders por 16 a 8 na Nuke e foi a primeira a se classificar para os playoffs.

Para decidir o primeiro eliminado do grupo A, no primeiro mapa com direito a prorrogação a Eternal Fire venceu por 19 a 17, no segundo mapa a Eternal Fire sobrou e venceu de 16 a 5, fechando a série e nem precisando jogar a Dust2.

E para fechar o grupo a Movistar Riders foi eliminada para a Eternal Fire de 2 a 0 em série por 16 a 10 na vertigo e 16 a 12 na inferno.

Grupo B


Grupo composto por ENCE, Outsiders, Fluxo e LOS+ oNe.

Na abertura, a ENCE passou o carro em cima da Los oNe, no mapa da Dust2 por 16 a 5, e o Fluxo deu trabalho para a equipe da Outsiders, mas perdeu na prorrogação de 22 a 18 na DUST2.

Entre os vencedores e favoritos para o campeonato, a ENCE venceu e se classificou por 16 a 14 na mirage.

Entre os possíveis eliminados os times brasileiros se enfrentaram e o Fluxo sobreviveu vencendo de 2 a 1 em série, sendo 16 a 13 para LOS oNe na mirage, 16 a 5 na Dust2  e no último mapa foi 16 a 14 na ancient para o Fluxo.

Na partida que decidia quem passava para os playoffs, foi um round 2 entre Outsiders e Fluxo, mas ficou para a equipe Russa, que venceu por 2 mapas a 0.

Playoffs


Nas semifinais o primeiro confronto eram Mouz e Outsiders e no segundo Eternal Fire e ENCE.

Na primeira partida a Outsiders venceu por 2 a 1 em série da Mouz e foi a primeira equipe para a final.

Na segunda partida a ENCE venceu também de 2 a 1 da Eternal Fire na série.

Na grande final, um repeteco da partida da fase de grupos, mas o resultado foi diferente, a Outsiders venceu por 2 mapas a 0 da ENCE, 16 a 8 na D2 e 16 a 14 na vertigo, e se consagrou campeã do campeonato.

Image source: Liquidpedia, esportbet

Comentário (0)

Nenhum comentário ainda

Faça login e seja o primeiro a iniciar a conversa!

Login para comentar sobre esta partida
Últimas notícias
S1mple o jogador da década
S1mple o jogador da década
Durante o mundial de Counter Strike: Global Offensive, IEM MAJOR Rio 2022  tivemos antes das semifinais a divulgação da ESL com a lista dos jogadores da década. O jogador Ucraniano Oleksandr “s1mple” Kostyliev que foi eliminado nas quartas de finais pela equipe da casa, Furia, em uma virada muito importante para a equipe brasileira. A votação é feita por jurados, jurados esses que são dividos em analistas e jogadores profissionais, e na avaliação o jogador ucraniano foi o melhor da<span class="read-more">more</span>
1d
Matheus Santos
O mapa icônico Dust 2 foi oficialmente removido do CSGO
Em um dia sombrio para o Counter-Strike: Global Offensive grinders em todos os lugares, o Dust 2 foi removido do conjunto de mapas de serviço ativo. A Valve anunciou uma nova rodada de mudanças na jogabilidade após a conclusão do Rio Major.  O mapa mais amado Dust 2 foi removido do pool de serviço ativo e foi substituído por Anubis.  O M4A1-S e o AWP também receberam nerfs substanciais, o que terá grandes implicações para as cenas competitivas e casuais. <span class="read-more">more</span>
3d
Monica Pimentel
Skin de arma do CSGO sendo vendida por mais de US$ 400.000
Um fã de Counter-Strike: Global Offensive coloca uma capa de arma extremamente rara à venda online com um preço absolutamente exorbitante. Um jogador de Counter-Strike: Global Offensive pode ter um dia de pagamento potencialmente alto depois de colocar uma capa de arma rara à venda, afirmando que eles "aceitarão ofertas acima de $400.000". Empreendimento lucrativo A troca de skins de armas raras e exclusivas para o jogo de tiro militar online da Valve provou ser um empreendimento lucrativo para alguns<span class="read-more">more</span>
4d
Monica Pimentel
Valve traz Nerfs e rotação de mapas para o competitivo
Em menos de 1 semana após a conquista da Outsiders no Major que aconteceu no Brasil, na sexta feira dia 18 de novembro a Valve produtora do Counter Strike: Global Offensive anunciou mudanças para o competitivo, entre elas temos Nerfs em algumas armas e rotação de mapas. Nerfs Os Nerfs em questão são do rifle M4A1-S que sofre a diminuição no modificador de dano da arma em longas distâncias de 0.99 para 0.94. Essa diferença parece pouca, mas sempre faz<span class="read-more">more</span>
4d
Matheus Santos
K0nfig está pronto para reiniciar carreira profissional no CS:GO
A estrela dinamarquesa do CS:GO Kristian 'k0nfig' Wienecke detalha sua jornada para recuperação e auto-aperfeiçoamento depois de estar no centro das atenções pelos motivos errados, pois pretende encontrar uma nova equipe para 2023. Pronto para voltar com tudo “Estou pronto para voltar”, diz k0nfig com segurança. O jogador parece relaxado e satisfeito onde está neste momento, um nítido contraste com como se sentiu há apenas dois meses após a experiência traumática pela qual passou. Consequências da briga em Malta A<span class="read-more">more</span>
11d
Monica Pimentel
Outsiders é campeão do Major Rio 2022
No último dia de Major tivemos antes da final o Showmatch entre as lendas do Brasil VS lendas Suecas. Brasil falleN fer TACO FNX coldzera Suécia Karrigan Olofmeister f0rest friberg GeT_RiGhT Jesper “Jw”  que era para estar presente nessa partida, mas não pode estar devido a uma doença. Com isso foi cotado pela ESL de Freddy “KRIMZ” da Fnatic, mas teve a entrada de Karrigan jogador e IGL da Faze Clan. De todos os jogadores presente nesse Showmatch, todos os<span class="read-more">more</span>
12d
Matheus Santos
Playoff do Major Rio 2022
Cloud9 VS MOUZ No primeiro mapa(inferno) ficou para a Cloud9 que venceu por 16x11, o mapa parecia um pouco propenso para a MOUZ principalmente por abrir 4 pontos de vantagem do lado TR, mas a equipe americana se recuperou e buscou a virada e a vitória do mapa. Na Overpass a MOUZ buscou o empate, um mapa que a equipe alemã começou muito forte o primeiro tempo de CT por 10x5, na virada fechou o mapa por 16x13 No último<span class="read-more">more</span>
14d
Matheus Santos
ESL lança música do IEM Rio Major, 'Made of Loucura', com o apresentador britânico JustHarry
A ESL lançou um videoclipe para o Intel Extreme Masters Rio Major em sua página oficial do Counter-Strike no Twitter, intitulada 'Made of Loucura'. Música do IEM Rio Major Performada pelo rapper britânico do CS:GO e Valorant, Harry 'JustHarry' Russell, bem como o rapper brasileiro MMAK, a música foi produzida por Bruno Cunha e editada pelo editor freelance da ESL e pós-produtor Janixs. O videoclipe também apresenta os jogadores profissionais do CS:GO Boltz (do Imperial), FalleN (também do Imperial) e<span class="read-more">more</span>
14d
Monica Pimentel
Como converter sua sensibilidade de CS:GO para Modern Warfare 2
O Modern Warfare 2 chegou e os jogadores estão pulando de outros jogos para enfrentar todo mundo do servidor, mas quando você inicia um novo jogo, os controles são sempre um problema. Brincar com suas configurações é um passo necessário para encontrar seu ritmo, isso vai lhe ajudar a se tornar mais preciso(a) e permitirá que você veja cada partícula de sujeira sob seus pés. Às vezes, seu objetivo é tão nítido em um FPS diferente que você tenta apenas<span class="read-more">more</span>
16d
Monica Pimentel