Apostas De Esports / Notícias no mundo dos eSports! 2022 / Sony confirma a compra da Bungie por US$ 3,6 bilhões

Sony confirma a compra da Bungie por US$ 3,6 bilhões

Na segunda-feira (31), a Sony anunciou a compra da Bungie por US$ 3,6 bilhões. A empresa é responsável pela série Halo, um dos títulos mais famosos do catálogo Xbox.

Após a negociação, a Bungie passa a ser uma subsidiária independente da Sony, administrada por um conselho sob direção do CEO Pete Parsons. A empresa construiu sua presença na indústria após o lançamento da franquia Halo e anos mais tarde, após rompimento com a Microsoft, passou investir no desenvolvimento de Destiny.

Sony compra Bungie em 2022

Após compra da empresa, Sony e Bungie passam a organizar interesses. (Foto: Reprodução/Sony Entertainment) 

Bungie ainda segue como estúdio multiplataforma, afirma Sony

De acordo com Jim Ryan, CEO da Sony Interactive Entertainment, a Bungie ainda será um estúdio multiplataforma com objetivo de distribuir os próprios jogos e aumentar o alcance de jogadores.

''Tivemos uma forte parceria com a Bungie desde o início da franquia Destiny, e eu não poderia estar mais empolgado em receber oficialmente o estúdio na família Playstation'' afirma o presidente e CEO da Sony.

''Esse é uma passo importante em nossa estratégia para expandir o alcance da Playstation e atingir um público mais amplo. Entendemos como a comunidade da Bungie é vital para o estúdio e esperamos apoiá-los. Assim como a Bungie, nossa comunidade é fundamental para o DNA da Playstation'', concluiu.

Segundo Ryan, a Bungie e a Sony compartilham da mesma visão na indústria dos jogos, sobre o mundo dos jogos ser apenas o começo do que a IP se tornará:

''Nossos universos orginais têm imenso potencial e, com o apoio da SIE, vamos impulsionar a Bungie a se tornar uma empresa global de entretenimento multimídia dedicada a cumprir nossa visão criativa'', menciona Ryan.

Para Cima
Fechar
×
Seu Código de Bônus:
A oferta de bônus foi aberta em uma outra janela. Pode também clicar no seguinte link:
Ir para a Casa